FAQ: Dúvidas frequentes

Se a sua dúvida não estiver entre as abaixo relacionadas, consulte a página de Dicas ou Cuidados ou envie-nos um email: sitiokolibri@sitiokolibri.com.br

  • A minha Blue Mystique é tingida?

    Sim, a sua Phalaenopsis azul Blue Mystique é tingida! É utilizada uma tinta especial para dar essa coloração às Phalaenopsis de cores brancas.

  • Como é feita a orquídea azul?

    A orquídea azul Blue Mystique não é híbrida. É resultado de um processo patenteado que infunde orquídeas brancas através de um método especial. Essa técnica foi aperfeiçoada após muitos anos de pesquisas e testes, utilizando elementos naturais e demais derivados ambientalmente conscientes.

    A Blue Mystique é tingida por uma tinta especial que faz com que os botões da haste abram azuis! Porém essa tinta é especial e não mágica…. na próxima florada, as flores de sua Phalaenopsis nascerão brancas novamente.

    Não podemos comercializar a tinta, somente a planta já tingida.

  • O tingimento é feito com anilina?

    Não utilizamos anilina para a orquídea ficar colorida. Na verdade, se você usar anilina, poderá intoxicar e matar a sua Phalaenopsis. Usamos uma tinta especial, importada da Holanda, para tingir nossas orquídeas.

  • A minha orquídea azul irá florir azul novamente?

    Sua orquídea não irá florir azul novamente. Essa coloração permanece somente na primeira florada, quando a planta foi tingida. Uma nova haste ou uma nova floração irá trazer flores brancas.

  • Como faço para que os novos botões nasçam azuis?

    Infelizmente não possuímos a tinta para comercializar e deixar todas as flores azuis novamente. A tinta é patenteada por uma empresa holandesa e não a comercializamos. Podemos comercializar somente a planta florida e já tingida.

    O jeito é curtir a nova florada que trará lindas flores brancas!!!

  • Existem diversos tons de orquídea azul?

    Como a Phalaenopsis Blue Mystique é uma orquídea branca tingida, você pode sim ter uma grande variação entre os vasos das Blue Mystique, uma vez que existem plantas brancas com flores grandes, flores pequenas, miolos brancos, miolos amarelos, miolos vermelhos, miolos vermelhos com amarelos….

  • A Phalaenopsis lilás também é tingida?

    Sim, a Phalaenopsis lilás segue a mesma linha da Phalaenopsis azul – uma Phalaenopsis de flor branca recebe uma tinta lilás e durante uma florada fica desta cor. Depois torna a ser branca novamente.

  • A Phalaenopsis verde é tingida de azul e amarela?

    Não, a Phalaenopsis verde é originada de uma Phalaenopsis branca, porém com uma infusão de tinta verde.

  • Minhas plantas estão sadias?

    Verifique se o local onde a planta esta é adequado, seguindo as necessidades de cada espécie.
    É comum casos de excesso de água na planta. Isto, muitas vezes faz com que apodreçam as raízes e comecem a surgir fungos e outras doenças devido à umidade.

    Antes de ter uma planta, aprenda um pouco sobre ela: qual o tipo de ambiente, se interno ou externo; temperatura ideal; quantidade de água e intensidade de luz. Sabendo estas informações, você sempre terá plantas saudáveis e floridas.

  • As flores estão murchando, o que devo fazer?

    As flores de orquídea podem durar de 1 a 5 meses, dependendo do tipo de tratamento que a planta teve durante o seu ciclo. Porém, existem outros motivos que podem levá-la a murchar: a haste pode estar quebrada, impedindo que o alimento chegue às flores, e excesso ou falta de adubo/água. O motivo que mais observamos é o excesso de água, que faz com que apodreçam as raízes.
    Verifique sinais de manchas na base da haste, podem significar alguma doença ou praga. Nesses casos, não há muito que fazer, só esperar um novo florescimento com uma nova haste.

  • A flores caíram, e agora?

    A planta tem seu ciclo natural, florescendo, em média, duas vezes ao ano – no vaso ou amarrada em alguma árvore.
    Caso esteja amarrada, existe a possibilidade de não resistir, dependendo de como e onde foi amarrada. Procure uma árvore que esteja em algum lugar úmido e sombreado e use tipos de amarras que apodreçam, nunca arames ou linhas de pesca.
    Caso tenha sua orquídea no vaso, tente deixá-la no lugar mais fresco de sua casa, para que ela continue produzindo raízes e folhas novas.

  • As hastes secaram completamente, o que fazer?

    A natureza, em toda sua sabedoria, cria plantas perfeitas e este é um processo natural. Quando a haste começa a secar, provavelmente sairá uma nova haste para o próximo ciclo de florescimento. Quando a haste não tem mais meristemas (células diferenciadsa que produzem novas flores ou hastes), ela se torna inútil, então a própria planta seca a haste para eliminá-la. Mas você pode efetuar a poda, sempre deixando cerca de 20cm a partir da base (contanto que a haste esteja completamente seca).

  • Com que frequência eu devo adubar a minha orquídea?

    Recomendamos fazer a adubação uma vez por mês; mais do que isso não é necessário.

    Para a adubação, você deverá usar adubo 10:10:10 ou 20:20:20 encontrado em floriculturas ou em setores de jardinagem de grandes supermercados.

    Em época de floração, procure não adubar a planta. Se a sua orquídea estiver gostando muito do sistema de fertilizantes, você poderá adubá-la no máximo 1x por mês, em pequenas quantidades.

    Mantenha sua Phalaenopsis no vaso original. Se for mudar de vaso, faça somente após as flores caírem, porém não indicamos fazer a mudança.

  • Como aproveitar a Blue Mystique, depois da segunda florada?

    A Blue Mystique é uma orquídea especial, que possui uma cor fora dos padrões da natureza. Ela pode ser dada como presente de casamento, dia das secretárias, dia das mulheres, dia das mães, dia dos pais e como lembrança, além de poder ser utilizada em diversos tipos de decorações de festas, casamentos e escritórios.

  • Como faço para comprar Phalaenopsis? De corte ou mudas?

    O Sítio Kolibri produz apenas plantas floridas em vasos. Nossa comercialização é feita através da Cooperativa Veiling® Holambra. Para entrar em contato ligue para o SAC 0800-558955 ou acesse o site: www.veiling.com.br

  • Como saber se minha orquídea está sendo bem regada?

    Se as raiz estiver bem hidratada, apresentará uma tonalidade verde muito bonita.

    Branca e acinzentada indica que precisará de mais água.

    Se estiver realmente muito seca, você pode mergulhá-la em uma bacia com água por 2 minutos. Escorra toda a água sem deixar excesso.

    Cinza, mole e com cheiro de mofo é sinal de encharcada. Deixe-a secar naturalmente. Isso pode levar até 10 dias.

  • Gostaria de agendar uma visita ao Sítio Kolibri, é possível?

    Infelizmente o Sítio Kolibri não está aberto ao público. Devido à facilidade de ataques de pragas e doenças, a empresa abre mão deste tipo de evento. Garantimos, dessa maneira, a qualidade de nossos produtos e a satisfação de nossos clientes. Confira algumas fotos do Sítio aqui

  • Gostaria de comprar as Phalaenopsis de corte, e também as mudas. Como faço para encomendar?

    O Sítio Kolibri produz apenas plantas floridas em vasos. Nossa comercialização é feita através da Cooperativa Veiling® Holambra. Para entrar em contato ligue para o SAC 0800-558955 ou acesse o site: www.veiling.com.br

  • Gostaria de obter catálogos das orquídeas do Sítio Kolibri. Vocês podem me enviar?

    O Sítio Kolibri não possui catálogo, apenas um livreto que vai junto com a planta, contendo informações e cuidados que devem ser tomados. Porém, disponibilizamos, neste site, fotos de algumas de nossas plantas, atualizadas regularmente.

  • Onde encontro orquídeas do Sítio Kolibri, fora da cidade de Holambra?

    Para esta e outras informações, entre em contato com o Veiling ligando no SAC: 0800-558955. Informe ao atendente sua localização e o produto que deseja, que ele indicará um ponto de venda mais próximo.

  • Onde posso encomendar orquídeas do Sitio Kolibri?

    O Sítio Kolibri®, junto com outros produtores, é associado à Cooperativa Veiling® Holambra, que efetua a transação de grandes quantidades de produtos através de leilões e intermediação com atacadistas e floriculturas devidamente cadastrados como compradores.

    Para compras em pequenas quantidades, é necessário localizar um ponto de venda em sua região.

    Para estas e outras informações, entre em contato com o Veiling ligando para 0800-558955 ou entre no site: www.veiling.com.br

  • Orquídeas com raízes expostas, o que fazer?

    Muitas orquídeas gostam de ficar com as raízes para fora do vaso. São as chamadas “epífitas”, plantas que usam as árvores de suporte para se desenvolver. Por causa desse modo de crescimento, aliás, muita gente acha que as orquídeas sugam a seiva das árvores, mas isso não é verdade, elas não são parasitas, apenas usam os galhos para se firmar. Há muitos tipos de plantas epífitas, como avencas, bromélias e samambaias, por exemplo. No caso das orquídeas, é comum que as epífitas soltem raízes para fora do vaso quando plantadas em qualquer tipo de substrato (como musgo esfagno, casca de pínus e fibra de coco, entre outros). Nesses casos, não adianta colocar a planta num vaso maior com as raízes para dentro, logo a espertinha solta mais raízes para fora. Esse é o jeito como ela gosta de viver, com as raízes arejadas. Agora, se sua orquídea for terrestre e estiver cheia de raízes para fora do vaso, está gritando por uma casa maior. Aí, o jeito é tirar a planta com o maior cuidado do vaso velho, lavar bem as raízes para eliminar o substrato antigo e colocá-la num vaso novo, que tenha pelo menos uns três dedos de espaço na frente para a planta crescer.

  • Por que o preço da Blue Mystique é mais caro do que as outras?

    Não gostaríamos de lesar nenhum cliente, mas pelo fato de comercializarmos todo o nosso produto via Cooperativa Veiling Holambra – www.veiling.com.br, não temos controle sobre o preço que as floriculturas irão cobrar nos produtos que elas comercializam! Infelizmente.

  • Posso trocar minha orquídea para um vaso de vidro?

    As orquídeas não gostam de umidade, como dito acima, e por isso necessitam de vasos que possuam boa drenagem. Os vasos fechados não são recomendados para se transplantar a orquídea Phalaenopsis. O que se pode fazer é colocar o vaso original dentro de um cachepô e toda vez que regar a orquídea, retirar ela do cachepô e só colocar de volta depois de ter escorrido toda a água.

  • Quando devo trocar a minha orquídea de vaso?

    No geral, as orquídeas devem ser trocadas de vaso quando o substrato (o material em que estão plantadas) fica velho, o que acontece a cada dois anos, mais ou menos. Alguns substratos duram mais (xaxim, casca de pínus, esfagno-do-chile), outros menos (fibra de coco, esfagno nacional, sabugo de milho), mas todos eles uma hora apodrecem. Nunca mude a orquídea de vaso quando ela estiver florida: o estresse costuma fazer a planta liberar etileno, uma substância que faz os botões e as flores caírem.. No caso da Phalaenopsis, você só precisa esperar a floração acabar para fazer o transplante. Escolha um dia fresco para fazer isso e regue bem a planta depois, para evitar que ela desidrate. Nas semanas posteriores, você precisará irrigar sua planta pelo menos duas vezes na semana e adubar pelo menos a cada 15 dias. Também é importante deixar a planta em local bem ventilado e com muita luz, mas sem sol direto.

    Veja mais informações

  • Raízes secas, o que fazer?

    Se a raiz estiver totalmente seca e se houver na mesma planta, raízes sadias, o corte poderá ser feito. Mas isto é apenas de ordem estética, pois a planta por si só expulsaria a raiz se esta não mais tivesse função. O ideal seria deixá-las como estão, pois algum corte mal feito poderia matar a planta.