Como cuidar de orquídeas em apartamento em 3 passos

É muito fácil pensar nos cuidados para as orquídeas quando se tem um belo jardim e uma ampla área verde, ou pelo menos um quintal minimamente espaçoso. No entanto, muita gente quer ter orquídeas em apartamento. A boa notícia é que é totalmente possível cuidar das orquídeas nos “apês” mais apertados, mas mesmo assim são necessários alguns cuidados específicos.

 

Pensando nisso, decidimos listar os 3 passos que você deve tomar, confira:

 

1- Cuidados com o excesso de vento

O primeiro passo é voltado para quem vive em um andar muito alto. Devido ao vento em andares mais elevados, é preciso tomar cuidado para que a umidade da planta não seja prejudicada. O segredo é atentar-se às janelas, que não podem ficar sempre abertas ou sempre fechadas (já que as orquídeas pedem por alguma ventilação). Caso as plantas estejam na varanda, vale à pena investir em um anteparo ou qualquer estrutura que proteja-a do vento. Quando ela florir, leve-a para dentro de casa, assim ficará protegida do vento – e de quebra seu espaço lindo.

 

2- Sol e luminosidade

Isso vai depender muito do apartamento. Espaços pequenos em grandes cidades repletas de arranha-céus, por exemplo, podem ser muito escuros; enquanto outros podem receber sol o dia todo. É preciso prestar atenção nisso. Algumas janelas e varandas recebem sol pela manhã, o que pode ser ótimo para as orquídeas, enquanto que outras recebem sol e calor demais, e por isso podem precisar de uma boa cortina ou, talvez, mudança de espaço. A dica é mudar o vaso de lugar conforme mudam as estações do ano!

 

3- Rega e adubação – adapte-se!

O segredo para regar e adubar as orquídeas em apartamento é adaptar-se conforme a estrutura do espaço. Em alguns casos, não há ralos ou espaço para escorrer água, e por isso pode ser necessário levá-los ao tanque da área de serviço, por exemplo, ou usar a criatividade. A dica é: use um borrifador para o dia a dia, e dê aquele “banho” de vez em quando, conforme a umidade do ambiente. Para adubar, basta tomar cuidado com o cheiro do adubo orgânico: ele pode atrapalhar o vizinho ou as pessoas que moram na casa, devido à proximidade. Se for preciso, dê preferência aos adubos químicos!

 

Pronto! Com estes passos, você já pode se considerar pronto para ter orquídeas em apartamento. Afinal, com os devidos cuidados, essas belas plantas são versáteis e vivem bem em qualquer espaço.