Replantio de orquídeas: 5 segredos para não errar!

Não adianta: o replantio de orquídeas ainda causa muitas dúvidas nas pessoas. Afinal, na hora em que percebemos que o vaso está ficando pequeno, dá aquele medo de tirar de lá e colocar em um local que a planta pode não gostar. Para que não haja erros, decidimos listar 5 segredos para não errar na hora do replantio!

1- Use os dedos para soltar as raízes

Ao remover a orquídea daquele vaso que já ficou apertado, ou talvez daquele substrato que está ficando velho, você verá que as raízes estão todas enroladas! Utilize os dedos para desfazer o emaranhado de raízes – e você poderá até mesmo se surpreender com uma muda um pouco menor, que poderá ir para um outro vaso. Mesmo que isso não aconteça, você vai poder observar as raízes com mais cuidado.

2- Descarte as raízes velhas

Aproveite que você deixou as raízes mais soltas para cortar as raízes velhas: aquelas que estiverem mais murchas, acinzentadas e sem vida. Utilize uma tesoura higienizada com cloro ou álcool e corte o que for possível. Será uma limpeza importante para a sua orquídea!

3- Evite as pragas com uma escova!

Aproveite o processo de replantio para utilizar uma escova e evitar pragas! As cerdas precisam ser macias: utilize apenas água e procure tirar eventuais pontinhos brancos ou cochonilhas, caso estejam se formando nas folhas! Afinal de contas, o replantio de orquídeas deve ser encarado como uma mudança de casa em que nos livramos de tudo o que está ocupando espaço demais na moradia antiga.

4- Renove o substrato

De nada adianta fazer a troca de vaso se o substrato antigo for mantido! Por isso, aproveite o replantio para garantir um novo ambiente para o desenvolvimento da sua orquídea. Compre o substrato certo para orquídea em garden center ou floricultura.

5- Coloque na altura certa

Um erro comum no replantio de orquídeas é a altura em que a planta será colocada! O ideal é encaixá-la no substrato de modo que a base da folha mais baixa fique cerca de 1 centímetro abaixo da borda. Isso vai permitir que ela fique firme no substrato, mas também não fique muito para dentro do vaso!


Para se aprofundar:

Passo a passo da troca de vaso: http://sitiokolibri.com.br/troca-de-vaso/

Escolhendo o melhor substrato: http://sitiokolibri.com.br/substrato-para-orquideas-carvao-chips-de-fibra-de-coco-ou-musgo-qual-e-melhor/

Aprendendo a fazer mudas: http://sitiokolibri.com.br/orquideas-phalaenopsis-como-fazer-mudas/