Pesquisa indica: flores em casa aumentam produtividade

Com medidas de distanciamento social em todo o mundo, trabalhar em casa já se tornou o novo normal para muita gente. O que muita gente busca, agora, é encontrar maneiras fáceis de adicionar um toque alegre ao nosso espaço de trabalho. Isso se tornou ainda mais importante porque as pessoas querem melhorar o ânimo e o bem-estar geral.

A notícia boa do dia vem de um estudo realizado pela empresa americana Bloom & Wild, que investigou os impactos psicológicos das flores sobre a produtividade e os níveis de estresse. O resultado prova que as plantas têm um efeito positivo no corpo.

Uma das descobertas está relacionada à pausa de algumas pessoas: 30 minutos organizando um arranjo de flores fazia com que os batimentos cardíacos diminuíssem, junto com a ansiedade. Segundo a pesquisa, 90% das pessoas disseram que o foco em algo criativo ajudou a reduzir os níveis de estresse, enquanto 100% disseram que se sentiam mais felizes ao trabalhar com flores em seu espaço.

Para corroborar com essas descobertas, a professora Lowri Dowthwaite, especialista em intervenções psicológicas na Universidade de Lancashire Central, confirma que o impacto das flores na nossa vida ocorre devido à nossa evolução. Como somos seres naturais, as plantas e flores nos conectam com o lugar de onde viemos. “Quando estamos com a natureza, automaticamente nos sentimos mais em casa “, completa a especialista.

Dopamina, ocitocina e serotonina estão entre os principais hormônios ativados pela presença de plantas, e promovem alterações bioquímicas no corpo que podem ser ainda mais importantes durante períodos de estresse.

Os resultados da pesquisa apenas confirmam que, quando ficamos muito tempo dentro de casa, as flores são fundamentais para servir de elo entre a vida urbana e a natureza, o que só traz benefícios.