Orquídea “extinta” volta à vida

Essa notícia sobre orquídea e natureza é ótima!

A orquídea Octomeria Estrellensis, nativa da Mata Atlântica, foi dada como extinta há 50 anos, mas voltou à natureza com tudo.

Isso aconteceu porque em 2017 o biólogo Luciano Zandoná resgatou centenas de espécies de orquídeas da reserva Legado das Águas, sendo uma delas a Octomeria Estrellensis, segundo informa o site Ciclo Vivo.

Com incentivo à pesquisa e tempo em laboratórios, os pesquisadores conseguiram reproduzir mil mudas da orquídea, o que é fundamental para tirar a espécie da lista de plantas extintas.

O processo de recuperação destas orquídeas é feito por meio de polinização manual e cultivação in vitro de sementes desta micro-orquídea endêmica da Mata Atlântica e do Brasil. Depois, elas são cultivadas em ambiente controlado para só depois, quando mais resistentes, são recolocadas na natureza.

A reintrodução das Octomerias Estrellensis ocorreu em julho de 2021 na área florestal, que é uma reserva privada.

*Fotos: Legado das Águas