7 coisas que você precisa saber sobre o Sítio Kolibri

Feira

No Sítio Kolibri, nós respondemos às perguntas que chegam via mensagem ou e-mail, e procuramos esclarecer as principais dúvidas relacionadas às orquídeas, às plantas, e aos cuidados necessários.

Muitos trabalhadores do ramo também buscam se informar a respeito dos nossos produtos, e sempre tentamos esclarecer as perguntas.

No entanto, existem muitas dúvidas que se repetem frequentemente. Por isso, decidimos responder a algumas das perguntas neste texto.

Então, se você quer saber mais sobre nosso funcionamento, confira as respostas que você precisa saber sobre o Sítio Kolibri!

 

1- Não é aberto a visitas

Infelizmente, o Sítio Kolibri não pode ser aberto para visitantes. Sabemos que muitas pessoas veem as fotos nas redes sociais e querem dar uma passada nas estufas, mas abrir as estufas para muitas visitas pode trazer malefícios às próprias plantas. Por isso, contamos com a compreensão de todos! É por isso que publicamos fotos daqui todos os dias: para dividir com vocês o nosso espaço!

FAÇA O NOSSO TOUR VITUAL!

2- Produz Phalaenopsis e suculentas

O Sítio Kolibri se especializou em orquídeas Phalaenopsis durante muito tempo, e recentemente passou a se dedicar a produzir suculentas, que fazem parte da nossa nova linha de produtos, a LARIS. Por isso, nós não produzimos outras espécies de orquídeas, como Cattleyas, Vandas ou Dendobriums.

 

3- Não faz venda direta

Muitas pessoas nos perguntam qual número devem discar para encomendar orquídeas. Muitos querem saber qual o processo para comprar no atacado. E a resposta do Sítio Kolibri é uma só: as vendas são feitas por intermédio da Cooperativa Veiling Holambra. Então, como funciona? É simples: a Cooperativa Veiling pega as plantas do Sítio Kolibri (e de inúmeros outros produtores da cidade), e leiloa para distribuidores de todo o Brasil. São estes distribuidores que levam as nossas orquídeas para centros de distribuição e fazem as vendas para lojas e supermercados.

 

4- A melhor forma é pedindo aos distribuidores

Sabendo do tópico 3, fica mais fácil entender este aqui. Como nossas flores chegam às regiões do Brasil por meio de distribuidores, os consumidores de flores devem procurar as orquídeas do Sítio Kolibri nas lojas da região, e os donos de lojas e floriculturas devem entrar em contato com os distribuidores da região, pedindo que eles adquiram as nossas orquídeas!

Quer nossas orquídeas na sua cidade e não sabe como? Procure os distribuidores, vá aos locais de distribuição de flores e peça as plantas do Sítio Kolibri!

 

5- Não pode vender mudas

O Sítio Kolibri não vende mudas! Como nosso processo de produção de orquídeas é muito cuidadoso, precisamos seguir uma ordem de produção muito específica. Isso impede a venda de mudas, pois precisamos esperar que todas deem flores. Sem contar que o período de muda da orquídea é bastante sensível, o que torna sua criação mais difícil fora de um ambiente controlado como a estufa.

 

6- Investe constantemente em autonomia

Você sabia que o Sítio Kolibri aquece suas estufas com uma caldeira própria, com energia limpa e renovável? Sabia que a água da irrigação das plantas vem de tanques de água da chuva? Além disso, o Sítio Kolibri está prestes a ter toda sua demanda energética suprida por placas de energia solar! Isso tudo significa que o Sítio Kolibri reduz seu impacto ambiental ao máximo, e ainda garante autonomia em sua produção!

 

7- Possui tecnologia de ponta

Para dar continuidade à produção de orquídeas do Sítio Kolibri, é necessário ter tecnologia de ponta. Nosso maquinário, conhecimento e estrutura são dignos de produções dos países mais ricos e dos produtores mais avançados do mundo!