Suculentas: as novas queridinhas do jardim!

Othonna Capensis - Colar de Rubi

Você deve ter reparado que as suculentas viraram mania nos últimos tempos. Todo mundo que ama plantas e tem um jardim (ou muitos vasos) já passou a ter suculentas entre as plantas disponíveis.

Simpáticas, “gordinhas” e fáceis de cuidar, as suculentas podem ser ótimas companheiras para seus cuidados e sua proximidade com a natureza.

Assim, decidimos trazer algumas curiosidades importantes:

 

Suculentas não são uma espécie… nem um gênero!

O termo suculenta surgiu para colocar diversas espécies de plantas em um mesmo grupo, mas o fato é que muitas delas são de gêneros e famílias diferentes. O termo serve apenas para agrupar plantas que acumulam água em suas folhas (e por isso essas folhas são suculentas!) e portanto, exigem regas menos frequentes e menos abundantes, o que as torna fáceis de cuidar especialmente por pessoas ocupadas e que vivem dias repletos de atividades.

 

Cactos são suculentas?

Se toda planta que acumula água é uma suculenta, então cactos são suculentas, certo? Em termos! Embora muita gente considere que sim, outros consideram que não e chamam o grupo de plantas de “cactos e suculentas”. Mas uma coisa é verdade: se os cactos são suculentas, nem todas as suculentas são cactos!

 

Pouca rega… deixe sempre para depois

Para regar suculentas em geral, o segredo é esperar a terra ficar seca, e só então molhar. Isso ajuda a evitar o excesso de regas. Se você quiser, pode fazer a rega quando a terra estiver ainda levemente úmida, mas é importante deixar a água escorrer! Se você tem ansiedade e fica querendo jogar água nas suas plantinhas, aqui vai o segredo: deixe sempre para depois! Ou seja, se você chegar na sua suculenta e pensar que deve regar, deixe para o dia seguinte.

 

Combine-as com outras plantas!

Suculentas são plantas incríveis e fofas, que você pode combinar com outros tipos de plantas e flores. A beleza delas está no fato de que elas podem dividir vaso ou então espaço com flores e as mais diferentes espécies. A beleza da natureza está na diversidade!